IMPOSTO DE RENDA 2016: VEJA AS PRINCIPAIS MUDANÇAS PARA A DECLARAÇÃO DE 2016

domingo, 28 de fevereiro de 2016

Entre as mudanças na declaração deste ano estão as seguintes:

1 - Não é preciso mais colocar os rendimentos do cônjuge, que não seja dependente, como acontecia até agora. Basta colocar o CPF do cônjuge, seja ele ou ela.

2 - O pessoal da saúde terá que preencher um campo informando o registro profissional e também colocar o CPF de quem pagou pelos serviços. Vale para médico, psicólogo, dentista, fonoaudiólogo, fisioterapeuta e terapeuta ocupacional. O mesmo serve para os advogados.

3 - A partir deste ano terá que ser informado o CPF de dependente a partir dos 14 anos de idade. Antes, era a partir dos 16 anos.

4 - Também foi mudado, na declaração do Imposto de Renda deste ano, o campo reservado a quem sofre de moléstia grave. A pessoa tem a opção de informar o valor da contribuição paga à Previdência no mesmo campo destinado à doença. É que antes era colocado no campo de rendimentos tributáveis. Agora, tem o direito de deduzir.

5 - Mais uma modificação, esta interessante, no programa gerador de declaração do Imposto de Renda deste ano. É o seguinte. No final da declaração, antes, a pessoa tinha que apertar em gravar a declaração. Depois, verificar se tem pendência. Por último, clicar em Entregar a declaração. Pois agora, basta clicar uma vez e pronto.

0 comentários: