ATUALIZADO: TRÊS FORAM PRESOS POR PORTE ILEGAL DE ARMAS DE FOGO EM PATU

sábado, 14 de dezembro de 2013
 Dr. Sandro Reges comandou a operação que resultou na prisão de pai e filho com armas de fogo, munições e até uma capa de colete da polícia.

Armas e materiais apreendidos

Apesar das precárias condições de trabalho e da pouca colaboração da população no sentido de ajudar na elucidação dos crimes que vêm ocorrendo em Patu e na região, o Delegado Municipal de Patu, que também acumula o cargo de Delegado Regional da 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Patu, Dr. Sandro Reges, vem trabalhando incansavelmente para que a população patuense e da região possa ter um pouco mais de tranquilidade. Nesse sentido, com a colaboração de informações anônimas e após um trabalho de investigação, o Dr. Sandro Reges e sua equipe, que é formada basicamente por policiais militares, prendeu na manhã desta quarta-feira (11), por volta das 10:00 horas, na avenida Lauro Maia, as pessoas de FRANCISCO BEZERRA NETO, mais conhecido por "DUDU", 46 anos de idade, residente no sítio Patu de Fora, zona rural de Patu e seu filho EDSON RAIÊ DE LIMA BEZERRA, 21 anos de idade, residente na rua Tenente Luiz Pinheiro, nesta cidade de Patu, ambos estavam numa moto armados cada um com um revólver calibre 38 e que após buscas nas residências dos mesmos ainda foi encontrado uma espingarda, munições, cartucheira, um coldre policial, um carregador para revólver, celulares e até uma capa de colete da polícia. Os presos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Patu, onde foram autuados pelo delegado Sandro Reges por porte ilegal de arma de fogo. 
"Dudu" e seu filho alegaram que estavam andando armados porque estão sendo ameaçados de morte por pistoleiros da região. 

MAIS UMA PRISÃO POR PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO: 

Na manhã de quinta-feira (12), foi registrada mais uma prisão por porte ilegal de arma de fogo em Patu, desta vez a prisão foi efetuada pela Polícia Militar, após uma denúncia anônima feita para o COPOM (telefone 190) da 2ª Companhia de Polícia Militar de Patu, dando conta de que a pessoa de MARLEN ALVES SUASSUNA, 30 anos de idade, se encontrava portando uma arma de fogo, sendo o mesmo abordado pela guarnição de serviço e constatado a veracidade da denúncia, tendo sido preso e conduzido para a 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Patu, onde foi autuado em flagrante pelo delegado Sandro Reges. 
Quando há denúncias, há a atuação da polícia, seja a militar ou a civil e assim os infratores responderão pelos seus crimes. 

3 comentários:

Anônimo disse...

Cadê os detalhes?????

Anônimo disse...

Cadê os detalhes????

PATUNEWS disse...

Está faltando tempo para concluir esta matéria, mas fornecei todos os detalhes em breve.