EXPECTATIVA DE VIDA DO POTIGUAR FOI A QUE MAIS CRESCEU ENTRE 1980 E 2010

sexta-feira, 2 de agosto de 2013
O Rio Grande do Norte foi o estado que registrou o maior aumento de expectativa de vida do Brasil nos últimos 30 anos, com crescimento de 15,85 anos. Os dados fazem parte da Tábua de Mortalidade por Sexo e Idade – Brasil, Grandes Regiões e Unidades da Federação – 2010, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (2). A expectativa de vida no RN era de 58,2 anos em 1980 e passou para 74 anos em 2010.


Ainda de acordo com o estudo, o RN tem uma expectativa de vida acima da média nacional, que é de 73,7 anos. E, também, acima da média do Nordeste, que é de 71,2 anos.

Segundo o IBGE, a expectativa para homens potiguares passou de 55,51 anos (em 1980) para 70,16 anos (2010) e de 60,99 anos para 78,02 anos para as mulheres no mesmo período. Em 2010, o Rio Grande do Norte era o nono estado país com a melhor expectativa de vida do país, concluiu o estudo.

A região Nordeste, que tinha a esperança de vida ao nascer mais baixa em 1980 (58,25 anos) teve, em 30 anos, um incremento de 12,95 anos nesse indicador, chegando, em 2010, a 71,20 anos, ligeiramente acima da região Norte, que anteriormente estava à sua frente (de 60,75 para 70,76 anos). Essa inversão se deveu principalmente ao aumento de 14,14 anos na esperança de vida das mulheres nordestinas, que foi de 61,27 anos para 75,41, enquanto que a das mulheres da região Norte aumentou 10,62 anos, de 63,74 para 74,36 anos.

Fonte: G1/RN

0 comentários: