JUSTIÇA DETERMINA BLOQUEIO DE BENS DA BBOM

quinta-feira, 11 de julho de 2013
A Justiça Federal acatou pedido formulado pelo Ministério Público Federal (MPF)em Goiás, em ação cautelar preparatória, e decretou a indisponibilidade dos bens da empresa EMBRASYSTEM – Tecnologia em Sistemas, Importação e Exportação Ltda, conhecida pelos nomes fantasia “BBOM”  e “UNEPXMIL”,  e da empresa BBRASIL ORGANIZAÇÕES E MÉTODOS LTDA, bem como dos bens dos sócios proprietários dessas empresas.
Ao analisar a documentação juntada pelo Ministério Público Federal, a Justiça entendeu pela existência de robustos indícios de que o modelo de negócios operado pela empresa BBOM se trata, na verdade, de uma “pirâmide financeira”, prática proibida no Brasil e que configura crime contra a economia popular.
A decisão traça, primeiramente, as diferenças entre o modelo de negócios denominado “marketing multinível” ou “marketing de rede”, e o golpe conhecido por “pirâmide financeira”.
Segundo a Justiça, o produto da BBOM, um rastreador de veículos, não possui cadastro na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).
Fonte: AC24horas via O Messiense

0 comentários: