MAIS UM ACIDENTE COM VÍTIMA FATAL NA CURVA DA PEDREIRA

domingo, 31 de março de 2013
Foto: Facebook

Mais um acidente com vítima fatal foi registrado na curva da pedreira, na rodovia de acesso ao Santuário do Lima. 
Por volta das 07:30 horas deste domingo (31), o jovem Frankcy Jairo Soares Cordeiro da Silva (foto), 26 anos de idade, natural de Patu, conduzia uma moto honda Biz quando perdeu o controle de direção na curva da pedreira, vindo a cair. A vítima ainda foi socorrida para o hospital municipal de Patu por populares, mas faleceu antes mesmo de dar entrada naquela unidade hospitalar.
Segundo informações, a vítima participou de uma festa realizada na praça de eventos aqui em Patu na noite de sábado e ao término da festa se dirigiu para um bar no pé da serra do Lima e quando voltava aconteceu o trágico acidente.
A vítima é filha do popular "Chico de Véia" e sua esposa Jaqueline e sobrinho dos Soldados da Polícia Militar Soares, lotado em Patu e Jonhson, lotado no QCG em Natal. 
A família PatuNews envia votos de pesar a toda família enlutada, rogando a Deus o conforto espiritual nesse momento de dor.

Irresponsabilidade: O vocalista de uma das bandas que se apresentaram na praça de eventos estava convidando os jovens para irem para o pé da serra do Lima logo após o término da festa, o que na minha opinião é um ato irresponsável, pois a maioria dos jovens ingerem bebidas alcoólicas em excesso e alguns estão na direção de carros e motos e o prolongamento do tempo na farra aliada a ingestão de bebidas alcoólicas vai ocasionar sonolência, o que pode ter sido a causa do acidente que vitimou o jovem Frank. 
As estatísticas demonstram que a grande maioria dos acidentes causados após bebedeiras em festas noturnas é em decorrência de cochilo ao volante.
Os vocalistas das bandas nunca devem incentivar os jovens a prosseguir na farra após o término da festa, e sim, alertá-los para o perigo iminente de acidentes, muitas vezes fatais, para quem bebe e dirige.


Foto: Facebook

NOTA DO BLOG: Em conversa via telefone com o vocalista João Neto, da banda Pegada de Luxo, o mesmo esclareceu que não foi ele quem convidou os participantes da festa a irem ao pé da serra do Lima após o término da festa. Segundo ele, não foi nenhum dos vocalistas das duas bandas que se apresentaram, ou seja, Forró de Nóis e Pegada de Luxo. João Neto confirmou que o convite existiu, mas partiu de alguém que estava ajustando o som e não dos vocalistas.
Vale salientar que com convite ou sem convite, é costume algumas pessoas se dirigirem ao pé da serra do Lima após o término das festas aqui em Patu ou até mesmo nas cidades vizinhas, e por essa razão alguns acidentes com vítimas fatais já foram registrados no trecho da rodovia que liga a zona urbana de Patu ao Santuário do Lima.
Em relação a alguns comentários que opinaram pelo fechamento dos bares no pé da serra eu sou radicalmente contra, sendo assim teria que fechar todos os bares.     

28 comentários:

Anônimo disse...

Cada ser em si é responsável pelo que faz.. Não se deve justificar o ocorrido por suposto "incentivo" do cantor que se apresentava. Até pq esse não foi o primeiro caso de acidente desse porte, e nem será o ultimo.. Sem contar que o local já fez outras vítimas e acredito que não foi por ter aceito o convite de ir ao pé da serra depois da festa. É lamentável a morte do jovem, mas a irresponsabilidade maior é dirigir/pilotar bêbado.

Unknown disse...

sinto muito pela família que deus possa abençoar e da conforto nesta hora tão difícil amem.

Unknown disse...

sinto muito pela família que deus possa abençoar e da conforto nesta hora tão difícil amem.

PATUNEWS disse...

Caro anônimo, eu não estou culpando o cantor pelo acidente, o que eu quis dizer é que não se deve incentivar os jovens a prolongar bebedeiras e sim alertá-los para o perigo da ingestão de álcool e depois dirigir. Cada um tem consciência do que faz, ou deveria ter.

Anônimo disse...

Quero parabenizar este blogueiro, pois realçou silogisticamente o motivo que leva à morte vários patuenses,enfatizando o uso da DROGA etanol, ainda mais, sendo estimulado por falsos vendedores de prazer e felicidade.Precisamos acabar com os bares do pé da serra e o serviço social da P.M.PATU por em prática políticas de dimiuição do consumo de drogas, mas faz a política de PÃO E CIRCO herdado do imperador romano.infelizmente o conselho tutelar e os órgãos de prevenção não atuam de forma eficiente também em Patu. não podemos responsabilizar a curva diretamente, mas o uso irracional da droga cachaça! se fosse assimtodos os dias as curvas das estradas estaria ligadas a acidentes graves, oque não acontece. policie ao uso de drogas já. DR: BÉBI/Carlos Alberto

Anônimo disse...

O blogueiro está correto, não está responsabilizando,mas foi um estímulo para a rota e caminho perigoso.precisamos acabar com os bares no pé da serra e procurar um motel,evitar o espaço calango tão procurado aí. grato

Anônimo disse...

O uso do etanol/cachaça em PATU/RN é estimulado muito pela sociedade, nãomexistindo uma política de esclarecimento social pelos poderes municipais, aía juventude procura a pseudo felicidade no uso e incentivo de drogas, desde o crack,cocaína e o danado da cachaça, verdadeiros Sujeitos e causadores destas mortes na flor da IDADE. É uma pena, resta lastimar e que sirva pedagogcamente aos demais cidadãos patuenses.

Anônimo disse...

É um absurdo querer culpar a curva diretamente, pois a mesma não vida e não exerce nenhum ato voluntário. a imprudência, negligência e imperícia são tipos de crimes culposos ligados aos seres humanos, portanto são os cidadão os únicos culpados pelo pelos acidentes acontecidos na estrada do LIMA, inclusive local de peregrinação e não de vadiagem. vamos fazer uma campanha de diminição do uso do etanol e trazer a PMPATU para coordenar estes trabalhos. quantas vidas em patu não se perderam pelo uso indevido de drogas, temos vários profissionais ,inclusive da saúde com problemas seríssimo pelo uso de drogas. Não podemos perdê-los na flor da IDADE.

Elizangela disse...

concordo com o que o Dr. Carlos Alberto ( Bébi) falou, acho que se deveria fazer um trabalho mais intenso com relação aos nossos jovens, falo isso pq sou mãe de adolescente..pOis deveria ser feito uma política de esclarecimento social pelos poderes municipais na nossa cidade, pois o que vemos, são adolescentes em bebedeiras, usando drogas, fatos lamentáveis que só contribuem para a morte de tantos jovens.

Anônimo disse...

O uso de bebidas alcoólicas é dos grandes males da sociedade, droga altamente nociva e causadoras dos muitos malefícios que atinge a sociedade atual.Desde separação,acidentes automobilísticos fatais,homicídios,tráficos de drogas,etc... um poderoso dessaranjador da vida de qualquer UM. quem ingere bebida alcoólica o qualquer droga, deve evitar dirigir, ´principamente quem dirige móvel ou automóvel de duas RODAS; O motivo principal e científico é que as células do cerebelo,orgão responsável pelo equilíbrio, são impregnadas pelo álcool que vem ligadas às moléculas de glicose,advindo daí as os acidentes e quedas frequentes, muitos levando à morte, portanto devemos ter parcimônia ao ingerir bebidas alcóólicas.No entanto os estímulos para a farra é bem maior!

Anônimo disse...

Alccol e direção não combinam, é preciso uma conscientização maior principalmente por parte dos jovens que essa mistura é fatal, quanto ao fechamento dos bares do pé da serra, discordo frontalmente, aqui em patu o que não falta são taxis fazendo esse trajeto a todo instante, até existe um ponto de taxi ao lado desses bares, então o que precisamos urgentemente é nos conscientizarmos do risco que corremos, e tudo isso começa com educação, ou seja, estamos longe, muito longe de resolvermos esse problema. Por equanto o que nos resta é chorar por nossos mortos. (eu perdi um ente querido assim, e dói demais!)

FLAVIO disse...

A droga mais letal é legalizada, destrói lares, famílias e é facilmente encontrada, te vicia e pode até te levar a morte ♪♫

Anônimo disse...

para fechar os "bares" do pé da serra temos que fechar os da cidade tambem, pois a avenida já foi pauco de varios acidentes que vitimaram fatalmente muitos de nossos amigos.
o que falta é concientização! a educação é a base de tudo temos que implantar nas ruas, radios, blogs e escolas campanhas de prevençã, e não começar a punir quem não tem nada haver com isso, se a curva não tem culpa dono de bar tambem não tem. até porque eles ja chegam la bebados.

Anônimo disse...

Primeiro o vocalista da banda em momento algum falou em ir pro pé da serra! mas sim o produtor da banda antes do inicio do show na passagem se som ele disse o seguinte " Daqui a pouco Joao Neto e Forro Peeegada de Luxo pra vcs vai ser forro ate amanhecer o dia a galera vibrou dps ele disse qnd acabar aqui todo mundo pro pe da serra..esse rpz que se acidentou tava la no onibus da banda ao meu lado e ao lado de alguns integrantes do grupo dps de falar com JN saiu pro pe da serra. nao é pq o produtor disse que qnd acaba-se iria todo mundo pro pe da serra, que era obrigado a ngm ir! quer dizer que e a primeira vez que depois de alguma festa o povo vao pro pe da serra e qnd voltam se envolvem em acidentes ???

Anônimo disse...

Amigo blogueiro é lamentavel este acontecimento,mais acredito que se fosse feitos várias lombadas nesta estrada e acabado os bares do pé da serra poderia amenizar estes acidentes. vc,concorda senhor blogueiro?

Anônimo disse...

Amigo, todo mundo tem conciencia do que faz, quem bebe sabe dos riscos que corre, antes de ele esteve sóbrio e sabia dos riscos... Esse quadro tende a piorar do jeito que esse mundo vai.

Anônimo disse...

Vendo todos esses comentários, alguns tentando colocar culpa em "A", "B" e "C"..... Mas, temos que dá o braço a torcer, o maior problema está na falência das famílias, hoje a base estrutural de nossa sociedade chama-se a família, que encontra-se totalmente falida. Tornando-se um conjunto em meio social totalmente, sem a menor estrutura.

Anônimo disse...

Como sabemos que o lima é um local de peregrinação e sonhamos com expansão do turismo religioso, como fonte de emprego e renda, não se associam bem bebida e fé,podendo-se acordar uma possível indenização aos proprietários ou então uma lei municipal proibindo a venda de drogas no pé da serra,podendo-se também limitar o horário do funcionamento dos bares da cidade até 10:00hs, estas medidas já produziram redução do índice de violência em algumas cidades de São Paulo,já que a família perdeu a sua função principal de educação para os meios de comunicação, resultando uma massa de jovens que somente procuram o caminha mais fácil: falsos prazeres, drogas, sexo e acabou-se o rocking. Não é a toas que PATU tem uma grande incidência de DST, principalmente da AIDS,falta de políticas de prevenção aos jovens. diz o velho adágio popular: eduque as crianças para não castigar os adultos. Desde a minha época que a nossa cidade corre frouxo com relação ao uso de drogas,o Meu primeiro porre foi na campanha de João Pereira contra Aderson Dutra, tinha Eu 10 anos, mas graças a DEUS livrei-me dos acidentes e da cirrose hepática.Porque os poderes públicos não aproveitam a psiquiatra e desenvolvem dentro do PSF um programa de prevenção de drogas? prevenção é o melhor meio de evitar adoecer. grato Dr Carlos Alberto/Bébi

Anônimo disse...

esse Dr. bebi tem algo particular contra os bares do pé da serra, meu amigo se for pra acabar com os bares de lá tem que acabar em todos os lugares, pois se acabar somente lá isso é um grande desrrespeito, pois eles são os donos das residencias tambem, e nós moramos num pais "livre" o problema é que no Brasil de merda que nós moramos ninguem da valor a vida, e se não morrer lá, morre aqui na cidade, e outra no pé da serra vende somente bebida e bebida é liberado no pais inteiro, agora "drogas" não sei qual se referiu, mais falando das ilicitas só vende aqui na rua...

Anônimo disse...

Ao contrário caro anônimo, já frequentei e tomei todas as cachaças possiveis, por sorte estou vivo e despertei à vida.Foi preciso pagar um preço alto pelas besteiras que fiz e me expus muitas vezes ao ridículo por causa do etanol,não se tinha estes programas e conselhos tutelares, caps, sofremos muito,mas chegamos lá,Deus obrou em mnha vida, não sou evangélico. hoje sou médico, por enquanto bacharel pela uern, o tempo que me dedicava e cultuava a birita, estou investindo no verdadeiro amigo: o livro.Estou transtornado com as mortes por motocicletas, pois são filhos dos meus contemporâneos, como o josé nilton.vejo muita propaganda de festas o ano inteiro direcionada pelo PMPATU, não tenho nada contra, mas devemos tomar medidas cautelares, pois a juventude de hoje perdeu a noção de liberdade,abusando e não antevendo as consequências. não tenho nada contra o etanol,fico triste com o resultado produzido pelos seus efeitos,que são inúmeros. Se querem que continuem abusando do que a vida nos dar de mais precioso:A vida com saúde. ingesta de qualquer drogas em excesso reiteradamente é uma doença grave,como médico e conhecedor dos seus malefícios, tenho como sacerdócio alertá-los, principalmente na terra que me ajudou a ser o que sou grato. DR BÉBI

Anônimo disse...

Caro anônimo,a etanol é uma droga pesada, pois causa dependência física,psíquica,síndrome de abstinência e tolerância. achou pouco! não sou polícia,mas dirigir sob os efeitos do etanol,quaisquer que seja a dosagem, hoje é crime, podendo o usuário responder a um processo.é importante ter cautela!

Anônimo disse...

vamos setir muitas saudades sua frank

Anônimo disse...

Precisa antes de se comunicar com os receptores dispor de educação, talvez não esteja sendo bem recebido pela sua polidez ortogáfica, devendo respeitar este imenso país e amado BRASIL. Se vivemos com estes hábitos,somos os responsáveis;se quisermos poderemos melhorá-los.precisa urgentemente melhorar a sua educação. respeitemos o BI-DOUTOR, ele é um exemplo de vida aos patuenses. parabéns pelo tema DR BÉBI. valeu!

Anônimo disse...

Caro anônimo, precisa urgentemente melhorar os seus conhecimentos, pois denomina-se droga qualquer substância que tenha influência sobre o organismo e altere o modo e/ou o funcionamento celular, isto de forma geral. fique sabendo queo álcool é droga e pesadíssima!sei que nos bares vendem a big droga cachaça.

Gaspar disse...

Caro blogueiro. Esta questão de procurar um culpado apos o acontecido não resolve nada. Ha anos que vivemos este lamento de ditar condutas e enfatizar que trata-se de uma simples questão de consciencia.Infelismente, na nossa cidade, esta consciencia não vai ser alcançada simplesmente com desabafos depois de ocorridos os fatos. Não é possivel que em todas as festas da cidade, em vez de comemoração, a noticia do dia seguinte sempre ser a morte de uma pessoa no transito. E isto esta se tornando normal, corriqueiro. O que é um absurdo.Na verdade, um fator chama a atenção na nossa comunidades para estes ocorridos envolvendo transportes (motos, carros, etc). Seria a resistencia contumaz do povo (ou das autoridades) em fazer observar o Codigo de Transito na nossa comunidade. Não se concebe cidades pequenas, vizinhas a nossa, já adotarem o CTN na sua mais rude forma de segurança (uso de capacete, habilitação para o uso de veiculos, proibição de dirigir embriagado) e a nossa cidade,diferente de todas da região, ainda vivenciar a pre-historia.

Tenho certeza que se forem adotadas medidas duras neste sentido, pois, apenas com palavras nada vai mudar, muitas mortes serão evitadas. Há de de constituit urgentemente na nossa cidade um destacamento de transito junto a Cia de policia militar. Um bom treinamento dos policiais para as ações de transito, de certo, será o correto para este momento. Isto tem que ser feito a curto prazo. Não se pode esperar mais. temos certeza que no inicio havera muitos cotrarios e desconfortos, mas, infelismente não há outra saida a curto prazo. Com o tempo, com a adoção das medidas, a vida dos jovens será poupada, todos vão aplaudir a iniciativa. Eis a nossa sugestão.

Anônimo disse...

Caro gaspar, nada melhor do que com estes conhecimentos legais sobre o CBT, peticionar e/ou provocarar o ministério público patuense, o comandante da Polícia militar, a prefeita municioal,responsáveis imediatos pela aplicação das leis no município. Se não se aplica a lei que tem obrigação nacional, estamos sendo omissos, se permitimos que na nossa barba, esteja sendo desrespeitada uma lei de aplicação obrigatória a nível nacional. Talvez seja pouco o tempo dos órgãos da justiça em coibir, mas como residente em patu, vamos tomar estas atitudes, muito bonita quando escrita neste blog.

Anônimo disse...

Balela..., esse problema todo começa com a FALTA DE EDUCAÇÃO, não adianta, se de uma hora para outra colocarmos Policiamento de trânsito, etc e tal, ou ate mesmo o Exército [exagero!] ninguem muda a consiencia se não tiver apoio das bases, que são a FAMÍLIA e a ESCOLA... o resto é conversa para boi dormir!

vai continuar morrendo gente!!!

Anônimo disse...

Sabemos que a base de tudo e a Família e esta estamos perdendo. O consumo de álcool (droga lícita) e outras drogas ilícitas estão destruindo os lares, seja por violência no trânsito ou outro tipo de violência. A culpa eh apenas do indivíduo que sabe das consequências que podem provocar e mesmo assim insistem em assumir o erro. Pena que nossa terra seja mais um palco de toda essa violência assustadora. Joceitala (Farmacêutica—Bioquímica)