UMARIZAL: TRIBUNAL DO JÚRI ABSOLVE RÉU CONFESSO NA MORTE DE CONTADOR

sexta-feira, 18 de maio de 2012
                                          Arquitânio Cortez                    Pedro Fontes
.
O tribunal do júri da Comarca de Umarizal julgou e absolveu na noite dessa quinta-feira (17) Evandro Dias Alves de Paiva, conhecido como "Pedro Fontes",  acusadoo pelo homicídio da pessoa Arquitânio Cortez Leite.

O crime aconteceu na noite de quatro de março de 2008.
Segundo o acusado, tudo aconteceu em um bar no Centro de Umarizal. "Eu estava bebendo no bar em companhia de um amigo que me convidou, Arquitânio estava lá também e veio me cobrar uma conta, eu disse a ele que não estava mais devendo, que já havia pago, mas ele insistia dizendo que eu ia pagar", relatou.
Evandro conta em seu depoimento que Arquitânio chegou a insistir na cobrança da dívida e puxou seu braço. "Ele se aproximou, puxou meu braço e disse que ia me colocar na cadeia; eu disse pra ele se afastar e me deixar quieto, mas ele disse que ia ali e voltava já, então eu atirei nele. Dei dois tiros e saí do bar", detalhou.
O réu ficou foragido por dois anos, só se apresentando espontaneamente em 20 de outubro de 2010.

O julgamento que durou pouco mais de 9 horas, (com algumas paradas) e foi presidido pelo juiz Breno Valério Fausto de Medeiros e aconteceu na Câmara Municipal de Umarizal.
FOTOS DO JULGAMENTO 
.
 Fotos de Uzl em fotos

 Fonte: Portal UZL

NOTA DO PATUNEWS: É minha gente! a sociedade umarizalense vive clamando por justiça a cada caso de violência registrado na cidade, culpando o governo, a polícia, a justiça pelos altos índices de violência no município, mas na hora que tem a oportunidade de fazer justiça, se acovarda, acentuando-se ainda mais a impunidade no município. Lembrem-se: "O principal combustível da violência é a impunidade".

5 comentários:

Marcos André disse...

Sou de Umarizal, e venho através de minhas palavras expressar o meu sentimento de revolta com a justiça(se é que tem!)do nosso país.Aqui nessa"catrevage" de Brasil mata-se 130 pessoas por dia e a impunidade proteje os matadores de todas às penas que deviam sofrer, pelas barbáries cometidas principalmente contra os cidadãos dignos desta nação.Esse Pedro Fonte levou uma vida toda aqui em Umarizal de fazer o que não prestava...bebendo,agredindo,causando desordem,atirando em vias públicas e "tatará",culminando com o assassinato desse cidadão daí de Patu.Agora vocês sabem por que ele fez isso??? ...porque ele sabia que não ia dar em nada,assim como realmente "não deu" !!! A nossa população aqui de Umarizal ficou revoltada com a absolvição deste assassino e, de maneira nenhuma a decisão do juri popular, representa o pensamento da maioria dos habitantes daqui.Mas,com disse um comentário postado no UMARIZALNEWS,se a polícia prende,a justiça na maioria das vezes dá o direito do réu responder em liberdade,quem é que vai votar sim, pedindo a condenação de alguem nessas minúsculas cidades do interior?...a maioria vota é no NÃO!!! acessem o UMARIZALNEWS e vejam os comentários... até logo!

O kara maluco disse...

Hoje em dia está tão facil tirar a vida de alguém, imagino que nem na época de cristo o povo era tão ignorante como os de hoje, e o mais triste é ver que o que impera é a impunidade da propria lei, por isso que ultimamente so está aumentando os crimes,no interior, na capital,em qualquer buraco, ao meu ver, simplesmente, matar pareçe que está virando um hobye...

Anônimo disse...

Marcos, apesar deste resultado, como vc diz, e eu concordo, não refletir a maoiria da sociedade, seja de Uzl ou de qualquer outra cidade "minuscula" do interior, foi decidido pelo "povo", que é quem compõe o Jurí, bastava que somente 4 (quatro) dos 7 (sete) votacem CULPADO!... e não fizeram, porque? cabe a esta mesma sociedade "indignada", a posteriori, procurar a resposta, dessas pessoas que compuseram o referido Tribunal do Jurí... neste e em muitos casos (pois como sabemos, isto acontece demais) o Presidente do Tribunal, que é o Juiz, fica "amarrado" pois ele não escolhe o veredito, e deve aplicar a dosagem muitas, senão em todas as vezes que acontece isso, à contragosto!!!

por mais incrivel que pareça esta instituição, desconhecida em suas minuncias, por grande maioria da sociedade, que é o TRIBUNAL DO JURÌ é a melhor "invenção" do legislador brasileiro, não cabe NUNCA reclamar da lei em casos de julgamentos por crimes contra à vida, pois o ESTADO, guardião da incolumidade e ou segurança da sociedade, atravez dos represententes escolhidos pelo POVO (POLITICOS=Legisladores), deu a este (o POVO=como representação da maioria) o nobre poder de JULGAR e punir (ou até vingar - Implicito, posto que não é Legal/legitimo) como forma de DEFENDER-MOS, com conhecimento de causa, posto que fomos a VITIMA, desses individuos > acusados > indiciados > denunciados > pronunciados = RÉUS, para que não venhamos sofrer novamente em suas mãos, bem como, sirva de exemplo "pedagogico" aos outros que possasm vir a cometer tais delitos.

Att

RFF

Anônimo disse...

É Muito Complicado Ver um Assassino Sair pela porta da frente como se não tivesse feito nada!
Pior que tem são as Pessoas que é A Favor dessa bandidagem...
A justiça Brasileira ta uma Merda! isso Sim!

Anônimo disse...

No país em que vivemos, é muito dificil vermos um assassinino sair impune nessa história principalmente para os familiares, a justiça brasileira e uma PORCARIA.