DESEMBARGADOR PASSA MAL E DEPOIMENTO AO SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA É ADIADO

quinta-feira, 26 de abril de 2012
oswaldo_cruz_desembargadorOntem à tarde, o ex-presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), desembargador Osvaldo Cruz, teve problema cardíaco e foi internado às pressas no Hospital da Unimed, onde será cirurgiado ainda hoje. Osvaldo Cruz será submetido a cateterismo e por isso o depoimento que daria hoje ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) não mais vai acontecer.
Segundo informações do boletim da equipe médica, Osvaldo Cruz teve um princípio de infarto e precisou ser hospitalizado às pressas. Ele foi levado para o Hospital da Unimed, em Natal, onde será cirurgiado.
O advogado Armando Holanda, que defende os interesses do desembargador, confirmou à imprensa que houve apenas um problema de saúde, mas não soube dizer o grau de gravidade do seu cliente.
Entenda
O desembargador Osvaldo Cruz é apontado pela ex-chefe da Divisão de Precatórios do TJRN, Carla de Paiva Ubarana de Araújo Leal, como um dos mentores do esquema de desvio de verbas que deveriam ser utilizadas para o pagamento dos precatórios.
Em depoimento à Justiça, a ex-secretária disse que o desembargador recebeu parte dos desvios mesmo após deixar a presidência da Corte. No mesmo esquema, Carla Ubarana apontou o também desembargador Rafael Godeiro como participante dos desvios. 

Fonte: O Mossoroense 

NOTA DO BLOG: É sempre assim, quando algum figurão comete algum delito e tem que dar explicações à justiça, passa mal e é internado num hospital particular luxuoso e o depoimento é adiado e muitas vezes cai no esquecimento e nem chega a acontecer, pois seus advogados conseguem "provar" que seu cliente está convalescente e não pode prestar depoimento, ficando por isso mesmo. Esse é o Brasil, exemplo de corrupção para o mundo.

0 comentários: